Páginas

Resenha: Pra você eu conto, Moacyr Scliar

Sinopse:

  O primeiro amor é o mais marcante na vida de uma pessoa?
  
  Em Pra você eu conto, Juca conta a seu neto a emocionante história de sua primeira paixão: Marta, uma professora que luta contra a repressão e contra os nazistas do Rio Grande do Sul.
  Ambientada na época do Estado Novo, em que forças opressivas predominavam, a narrativa mostra que o amor pode ser uma possibilidade de libertação e transformação. Quando o tímido adolescente Juca vive essa experiência, passa a ver o mundo com outros olhos.
  Emoção e convite à reflexão esperam pelo leitor nesta cativante história.


  O livro nos mostra as loucuras que se pode cometer por amor, quando o garoto Juca se arrisca para ajudar a professora, por quem é loucamente apaixonado, com algo que ele não dava a miníma importância, que é a política.
  Além de nos mostrar um pouco da história do nosso país, Pra você eu conto mostra a coragem de uma professora, que mesmo parecendo impossível, tenta fazer a diferença e luta por aquilo que acredita.
  A escrita do autor simplesmente nos faz mergulhar no passado de Juca e assim, reviver com ele aqueles seus momentos de alegria e de tristeza, causados por algo que é muito comum entre os adolescentes.

  Para as pessoas que gostam de livros do tema, eu recomendo!

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!! ❤️
      Realmente é um livro muito bom, gosto bastante dele também. Me deixe ler a sua resenha qualquer dia desses, em?

      Excluir